Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

lighthouse

Criptomoedas, um desastre ambiental

24.11.17 | João Massena

 

 

No inicio das criptomoedas, embarquei nos seus argumentos de independência da banca e da “regulação” abstrata e tendenciosa.

Não passou muito tempo para que ponderasse a coisa com mais rigor, até pela perceção do seu uso, e depressa desembarquei da defesa dessa ideia. Continuo a achar que a banca e s grupos económicos são monstros vorazes, mas as criptomoedas podem ter começado por uma boa ideia, mas como muitas ideias que parecem boas, na prática demonstram ser um desastre.

 

O primeiro problema é a incapacidade de se controlar quem usa o dinheiro. Ninguém gosta de ser controlado, mas julgo ser generalizada a ideia que se há um criminoso, queremos ter a capacidade de lhe rastrear os crimes.

As criptomoedas, sabemos já, que são usadas para ocultar a criminalidade e financiamento de grupos indesejáveis.

Sabemos também que as atividades económicas através de criptomoedas não só escapam à banca como escapam também ao fisco.

Toda a gente em mente como pagar menos impostos, mas é preciso ter em mente que é através destes que temos SNS, educação, policias, proteção civil, bombeiros, estradas, arruamentos, Estado Social…

Quanto mais se foge aos impostos, mais aumentam os impostos a quem não pode fugir deles, ou seja, classe média, trabalhador por conta de outrem.

 

Sabemos agora que para alem destas questões que de um modo ou de outro, envolvem questões relacionadas com o uso da moeda e as suas consequências, as criptomoedas também têm um forte impacto ambiental.

Só a mineração da Bitcoin é responsável por um consumo de 29 TWh, mais do que é consumido em 159 países. Falamos de 0,13% do consumo total de energia de todo o planeta.

O impacto ambiental é brutal, um impacto que se adiciona a todos os outros problemas acima referidos.

 

O balanço feito é cada vez mais negativo para o uso desta moeda e a constante valorização, que passou de pouco mais de 1000 USD/BTC para quase 8300 USD/BTC à data de hoje torna-a francamente apelativa. Os Governos devem ponderar a sua proibição a algo que não é mais do que uma ideia que saiu ao lado.

1 comentário

Comentar post